O surpreendente Shimano XTR Di2

31/05/2014 11:42
        Havia rumores desde 2008 sobre um possivel conjunto eletronico para MTB, mas depois de longos 6 anos e muitas pesquisas para colocar no mercado algo que realmente funcione e não cause problemas aos ciclistas, essa semana foi apresentado o novo Shimano XTR Di2. No geral, ele levou mais tempo do que o esperado.     
       Foi um período de mais de três anos, do trabalho, especificamente sobre o grupo eletrônico. Os principais desafios da adoção do grupo de estrada, era alcançar uma performance de comutação muito estável e robusta. 
        O XTR Di2 vem, em vez de uma alavanca de câmbio clássico, com uma chave de mudança eletrônica com boa sensação de troca, sendo muito presciso no que foi questionado a shimano. Alem disso pode atuar em conjunto para um bloqueio eletronico dos garfos da marca Fox. Nesse visor da foto, ele indica o nivel de bateria, posicao de marchas, modo de troca de marchas e o modo suspensão. Utilizar o botão display pode mudar o modo de trocas de marchas para a mudança sincronizada durante a pedalada.
    Uma das vantagens do sistema de cabo eletrônico é também a sensibilidade, diminuída ao comprometimento funcional de cabos de mudança mecânicos, como tambem alongamento dos mesmo ou corrosão pelas trocas de marchas atraves dos antigos cabos.
 
        A opção Synchro-Shift é uma característica especial do XTR Di2, que permite que o câmbio dianteiro e passador possa ser controlado por apenas um interruptor. Neste caso, o câmbio dianteiro sempre reconhece a posição do passador traseiro e automaticamente executa processos de comutação apropriados a partir da frente para garantir a troca de marchas e alinhamento ideal para a corrente. Isso também irá aliviar o piloto, porque podera se focar mais nas pistas e menos nas trocas de marcha.
        O centro do sistema Di2 XTR é o display digital que mostra informações importantes, como a carga da bateria, posição da marcha, o modo de switch (Manual ou Synchro) eo modo de suspensão. Um botão de seleção na caixa de exibição também permite a seleção do modo desejado - Synchro 1, sincronização 2 ou Manual.
 
Um cabo de força pode ser ligado ao PC, para atualizações e carregamento das baterias, como na foto abaixo:
        Um outras características inteligentes do XTR Di2 é a função de auto-trim do câmbio dianteiro e com isso, ele assume a posição correta para cada coroa com todas as combinações de engrenagens.
        O XTR Di2 utiliza a famosa plataforma E-tube, nos atuais grupos de estrada. Ttal sistema permite programação total dos sistema, transmitindo sinais interativos e cargas de cada componete individual por meio de conexoes "plug n play". Tambem se pode customizar a trocas de marchas, como a quantidade de trocas, velocidade das trocas e rapidez no caso de uma corrida. 
        Nos periodos de desenvolvimento da shimano, mais de 20 mil km foram rodados para os teste com as trocas e as marchas mais utilizadas pelos ciclistas. Notou-se que pode ser 2 vezes mais potentes que o atual m980 topo de linha, e que alem de oferecer trocas rapidas, suaves e prescisas em uma pedalada intensa e se tornam tão leves quanto ao apertar de um botão.
A Trek quer ser a primeira marca a vender o novo XTR Di2 + suspensão Fox. Alguns modelos sairão em breve e terá o melhor conjunto para Mountain Bike da historia.
 
O preço do grupo tera um valor 40% maior que o mecánico, pelo fatos de ter agora componetes e chips eletronicos. Sera vendido no fim do ano e comeco de 2015 aqui no Brasil.
 

Peso

  • Câmbio dianteiro (FD-M9070 D-type); 115 gramas
  • Câmbio traseiro (RD-M9050-GS): 289 gramas
  • Display do sistema (SC-M9050): 30 gramas
  • Passador (SW-M9050): 64 gramas
 
Veja os videos abaixo mostrando seu funcionamento, inclusive na copa do mundo de MTB:
 
 
 
 
 
 
 
 

Contato

MTB Guaira rua monjoli 790
GUAÍRA - PR
85980-000
+55.4436423614
+55.4499934954
contato@mtbguaira.com.br